Mundo
24 de fevereiro de 2022 Moldávia registra chegada de 2 mil migrantes da Ucrânia após invasão russa
A Moldávia está trabalhando para acolher e apoiar os migrantes ucranianos que fogem dos conflitos no país

Congestionamento em Kiev, capital da Ucrânia| Foto: EFE/Sergey Dolzhenko


A ministra do Interior da Moldávia, Anda Revenko, anunciou nesta quinta-feira que cerca de 2 mil migrantes cruzaram a fronteira do país com a Ucrânia, após o início de uma operação militar no país vizinho. "Até o momento, registramos cerca de 1,9 mil ucranianos que cruzaram a fronteira com a Moldávia. Incluindo, famílias inteiras. Cinco pessoas pediram asilo", informou a integrante do governo, em entrevista coletiva, segundo publica a agência russa de notícias "TASS".


A ministra do Interior explicou que as autoridades moldavas estão trabalhando em estado de alerta, além de garantiu que, ainda nesta quinta, acontecerá uma reunião para discutir as ações durante a crise no Leste Europeu.


A presidente da Moldávia, Maia Sandu, garantiu que o país resolverá a situação dos refugiados, enquanto confirmou o aumento de um fluxo migratório nas passagens fronteiriças com a Ucrânia.


"Ajudaremos as pessoas que precisam de nossa ajuda. Neste momento, estamos dispostos a receber dezenas de milhares de pessoas", explicou a chefe de governo.


Imprensa Scalabriniana com Agência EFE



ver mais notícias


Receba nossa newsletter Assine nossa newsletter e receba novidades por e-mail
Seu E-mail foi cadastrado com sucesso!
OpsSeu E-mail já está cadastrado em nosso newsletter!
ATENÇÃOO formato do e-mail está incorreto.
© Missionárias Scalabrinianas. Todo o conteúdo deste site é de uso exclusivo de Missionárias Scalabrinianas. Proibida reprodução ou utilização a qualquer título, sob as penas da lei. All rights reserved.